Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Carroça de Ouro

sombras cheias de luz e silêncio em altos sons.

Carroça de Ouro

sombras cheias de luz e silêncio em altos sons.

vinho do bom...

espera-se que seja, pelo menos! Há tempos que ando atrás de um sítio em conta para beber um bom vinho, e até se possível aprender um pouco mais, sem ter aquela pressão de estar numa sala de aulas.

 

Vai daí descobri uma "casa" em Lisboa que além de fazer umas provas, também dá umas explicações da matéria.

Ao que parece existem várias modalidades, workshops, cursos, provas, jantares, compras de caixas de vinhos por temas e preços, tudo e mais alguma coisa.

 

Eu acho que vou mesmo escolher as "1001 noites de provas" pela descrição parece-me ser um ambiente casual e porreiro. Quem estiver curioso sinta-se à vontade de se inscrever, quem por outro lado já o fez e tem uma coisinha a dizer, eu até agradeço.

 

http://osgoliardos.com/blog/1001-noites/
 

Dicas da Carroça #2

Tenho uma amiga que sempre que vai jantar com o namorado me pergunta onde é que deve ir, eu faço uma lista e eles depois escolhem.

 

"Ómes" desta vida, atentem ao que eu vos vou dizer. Não perguntem à namorada/mulher/amiga/amante/mãe onde querem ir jantar. No máximo dos máximos, perguntem o que lhes apetece, se já as conhecem já sabem qual é o restaurante que preferem para comer pizza, carne, peixe ou seja lá o que for, se não conhecem arrisquem e levem a um que vocês gostem .

 

Mais, mesmo que ja saibam mas querem uma coisa nova, ou não sabem e não conhecem nenhum restaurante que tenha umas pizzas óptimas e esplanada, há uma tonelada de informação na net para vos ajudar, desde a Zomato ao Tripadvisor.

 

Deixem de ser preguiçosos, sim?!

 

Ps: se  por acaso os sites que deixo não cheguem, e tenham dúvidas ou preferirem outra coisa, deixem-me uma mensagem (desde que seja em Lisboa), eu quero é toda a gente feliz.

 

TripAdvisor: http://www.tripadvisor.com.br/

Zomato: https://www.zomato.com/pt/portugal

Teimoso que nem uma carroça...

de ideias fixas, ou ainda personalidade extremamente vincada.

 

Quando me ponho a uma coisa, não há volta a dar, ou vai ou racha (e raramente racha). Desta feita,calhou os Caminhos de Santiago, para quem não sabe os Caminhos de Santiago é um conjunto de percursos que antigamente (desde a idade média) era utilizado como estradas de peregrinação até Santiago de Compostela. Nos tempos que correm a versão de peregrinação está um pouco mais reduzida e os caminhos são percorridos por todos os credos, gentes, e motivos. Para mim é só pelo desafio, pura e simplesmente para me superar.

 

O percurso que escolhi é o mais conhecido (dizem também que é o original), vai desde os Pirinéus (St. Jeam Pied du Port) até, claro está, Santiago de Compostela. O normal é as pessoas percorrem os 800km em 30 dias, como eu não posso/consigo tirar esse tempo todo de ferias vou ter de andar o Caminho em 23 dias.

 

Isto por si só não mostra a teimosia, o que mostra são duas coisas, a primeira é que para aí há uns 7 anos que quero fazer isto, no entanto nunca me foi possível, a teimosia (entenda-se preserverança) aqui valeu bem, finalmente em Junho cá vou eu.

 

A segunda é o que se passou este fim-de-semana, para conseguir fazer os 800km em 23 dias terei de andar em média 35km, o que não parece muito, se fosse um ou dois dias, eu vou fazer 23 dias seguidos, sem descanso. E é aqui que a teimosia entra de novo, sabendo que tenho de treinar, programei um treino simples (como não posso andar todos os dias, ou então não teria tempo para dormir), decidi correr durante a semana, e andar carregado que nem uma mula ao fim-de-semana, que foi o que fiz neste fim-de-semana de sol e calor.

 

Peguei na minha pessoa e numa mochila pesada que nem tanque de lavar a roupa, levantei-me no domingo às 08h00 da manhã apontei para a Serra de Sintra para ir fazer uma caminhada de 20km com o sol a aquecer-me a alma. Bem me fodi, cheguei à serra e não havia sol, estava frio, vento e um nevoeirozinho filho da puta que enregelou a ponta do nariz.

 

Só mesmo a teimosia, e o facto de não querer falhar no caminho é que me impediu de pôr os calcantes a caminho duma qualquer esplanada onde houvesse sol e boa disposição.

 

É assim, quem anda por gosto não descansa...

filme a não perder #1

Acabei de ver o "La Jaula de Oro", um filme mexicano que retrata a emigração clandestina para os Estados Unidos. No papel principal tem um grupo de 4 adolescentes guatemaltecos que veem a Norte uma vida melhor.

 

Um filme, tocante, marcante e profundo. A não perder, e para mim, a rever um dia.

jaulaoro.png

 

 

Se quiserem mais informações:

http://www.imdb.com/title/tt2042583/?ref_=nv_sr_1 

sábado, sol, calor...

e eu vim trabalhar...!!!

 

Vim porque quis, tenho um relatório para entregar e o tempo é curto, portanto não custa nada gastar umas horas do fim-de-semana para conseguirmos respeitar o deadline.

 

Ao contrário de alguns bloggers que têm de dizer mal do trabalho e da chefia, eu não preciso. Ok, ganho mal e porcamente, mas felizmente faço o que gosto, trabalho na área para a qual estudei, com uma equipa fantástica e com um chefe de topo.

 

Quando cheguei de manhã era isto que me esperava:

 

vontade.jpg

 até pode ser um bocadinho corky, mas pelo menos dá algum alento.